quinta-feira, 18 de agosto de 2011

Eu, perdido? Quem disse isso?




Nunca me falaram. Mas um dia, passando pela rua, um conhecido me viu, nos cumprimentamos e ele disse:
-O que tens feito caro amigo – disse o tal conhecido
-Ando fazendo muitas coisas, como trabalhar e estudar. Mas nas horas vagas, costumo sonhas acordado e ouvir as estrelas
Ele me olha espantado, como se me achasse (ou melhor: eu era) maluco.
-Como assim companheiro? Você faz isso nas suas horas vagas? Deveria aproveitá-la melhor, como sair, se divertir. Sonhar acordado é desperdício. Você esta perdido com isso.
-Eu, perdido? Quem disse isso, você? Eu faço o que bem entender, e como eu quiser – disse isso, sem ignorância alguma.
O tal conhecido, meio constrangido, falou:
-Tudo bem me desculpe. Até esqueci que briguei com minha mulher por que ela não me deixou jogar bola com os amigos. Realmente devemos fazer tudo o que quisermos, sem machucar ninguém.
- É assim que tem de viver. Ou pelo contrario, estaremos perdidos.
Logo o conhecido rio e me deu um abraço de despedida.

2 comentários:

Ri disse...

Primeira vez visitando seu blog...

Gostei do post...

:)

Parabéns pelo blog!!!

http://paponalingua.blogspot.com/

Um Pouco Sobre Isso disse...

Parabéns pelo blog, tudo de ótimo gosto.
Estou seguindo e sempre que der passo para deixar um comentário. Esperamos você no nosso blog. Siga-nos!
http://umpoucosobreisso.blogspot.com

Total de visualizações de página

Parcerias (ponhas a sua aqui também)





Image and video hosting by TinyPic
" />

Contato

Orkut
Twitter
Facebook
YouTube

My Tumblr

Ocorreu um erro neste gadget