quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Coldplay e Noel Gallagher: a Inglaterra em alta na musica


Durante as duas ultimas semanas que se prosseguiram neste mês, houve dois lançamentos bons (e muito importantes) para a musica.
Primeiro de tudo, na segunda retrasada (dia 17), houve o lançamento do cd do oasiano (é assim que posso chamar um ex-oasis) Noel Gallagher, lançando seu cd High Flying Birds. Gostei muito da linha acústica que ele seguiu em suas musicas (diferente do seu querido irmão Liam Gallagher). Isso não significa que o disco ficou monótono, ou muito igual ao Oasis (pode ter ficado aos ouvidos dos menos experientes). Ele me soou um pouco da idéia de ser um “Nando Reis Britânico”, mas mesmo assim, dou uma nota 8,0 para seu cd, que recomendo ouvirem.


If I Had a Gun! Uma das melhores musicas do album de Noel Gallagher.


E o (bom e velho) coldplay? O quinto álbum da banda, MyloXyloto (pronuncia-se “my-lo zy-letoe”) , não só foi mais um cd inanimado do coldplay (ou infantil). Esse é( foi e será – estou certo disso, mesmo não sendo critico profissional), um cd que consolidou o coldplay mais ainda para essa década que vivemos. Cheio de colorido, eletrônico, e musicas muito boas (também recomendo). Além do cd, também tem uma edição especial limitada do álbum que  estará disponível e incluirá um livro de capa dura de 12” x 12” com artes grafite estilo pop–up, desenhadas por David A. Carter, vinil, CD e conteúdo exclusivo com fotografias, trechos do diário de estúdio e anotações pessoais da banda.(dou nota 9,0 para esses cd)


o Clipe mais "Cute" do Coldplay (também faz parte do album Mylo Xyloto

Agora me digam: será que os tempos áureos ingleses estão de volta?

terça-feira, 25 de outubro de 2011

Paradise




Eu queria sair daquele lugar, sumir de tudo aquilo que não era meu, e estar em um lugar só com a felicidade ao meu lado. Um dia, pensante, bem genioso até, descobri uma saida, e fugi rumo ao paraíso.
Passei por todas as barreiras. Fui de metrô, avião, até de monociclo fui, em busca da minha felicidade. Andando por esses lugares inospitos da vida, achei o que queria: minha familia, minha felicidade.
Então, depois de tanto instistir e persistir, consegui e agora, estou muito feliz ao lado das pessoas que gostam de mim.

sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Naquela vez que te encontrei...





Naquele dia, quando te encontrei
Já sabia o que estava por vir.
Meu coração disparou como um louco
Só por te ver
Te senti um pouco mais perto.

Posso não ter você agora
Mas quem sabe
Esse sonho
Não seja real um dia?

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Como se não houvesse amanhã






Durante esses tempos, fiquei triste, desanimado, pouco disponível a felicidde que tanto queria. ou melhor, ela não veio.
Eu nao sabia muito o que fazer, ou tentar, pois todas as alternativas foram em vão, não me serviram de nada.
Então, resolvi tomar uma boa atitude: resolvi viver.
Estou vivendo tanto, que o unico dia que tive para escrever essas mensagem foi hoje, pois estou vivendo intensamente minha vida. 
São dias de sol lindo, céu azul ou chuvoso, não me importa, cada um tem sua importância e tom em meu ser.
agora, que me desculpem vocês que estão lendo, mas vou viver o resto desse dia unico que tenho.

terça-feira, 18 de outubro de 2011

41!



As vezes a vida é muito dura
Do tipo onde se apanha
E tem de aguentar as humilhações 
E uma noite inteira de choro.

Difícil levantar
Não achar que nada vai dar certo
E que tudo 
Realmente não vale a pena.

Mas tudo tem um reinicio
Um motivo pra poder recomeçar
E seguir o caminho.

Um dia pode se estar ruim
Mas no outro o sol nasce
E  o céu fica lindo
Nos dando toda a alegria
Para iniciarmos uma nova vida.

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

Vettel e as grandezas de ser um vencedor.

Decore este nome: Sebastian Vettel. Alemão, 24 anos, e Bi campeão da Formula 1. Até ai nada de mais. Mas se não fosse muito pela idade e pela capacidade que esse rapaz consegue ganhar uma corrida, isso seria um pouco insignificante aos olhos apaixonados de quem gosta de F1.
Vejam os números e comprovem.: (Em comparação com Michael Schumacher - 8x campeão da F1)


VETTELSCHUMI
Vitórias
19
18
GPs em 2º lugar
8
13
GPs em 3º lugar
6
9
Abandonos
15
24
Poles
26
11
Quantos GPs disputou até vencer sua primeira prova
22
18
Quantos GPs disputou até fazer a primeira pole position
22
42
By Revista Veja

O que este gênio (louco, piloto, adote o pejorativo que quiser) faz é apenas fruto de uma coisa bem simples que as vezes (ou frequentemente) esquecemos de fazer: esforço. Tudo é uma questão disso, pois como diria o Sr. Silvio Santos " Vencer é 95% de transpiração e 5% de inspiração". 
Vencer na vida não é fácil (e quem disse que era?), mas o único problema é que nos acomodamos ou desanimamos de mais quando vemos a realidade das coisas.
Ver, pensar, é fácil (chega até ser bobagem fazer isso quando queremos algo). Mas fazer por aquilo que queremos é tão difícil quanto amar, ou algo do tipo (não consegui definir bem isso por palavras). Mas é isso: tudo que queremos pode se definir a esforço e inspiração. E se você não se convenceu que o novo gênio ai é tão bom assim, vou lhe deixar um vídeo pra que isso lhe sirva de inspiração.



Vídeo: Esse ai é fera!

Uma ótima segunda-feira a todos!

quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Em Especial à vocês.

Guh, Will, Junior e Xis - Stigma. (Hébony e penetra)

Meninos,

De verdade, nunca achei que ecreveria pra alguma banda, sempre tem uma primeira vez, fico feliz por ter sido com vocês. =D
Não tenho muito o que dizer - bloqueio em mente - afinal não conheço a fundo sobre vocês, mais garanto que aquelas pessoinhas que conheci pelo MSN, são as mesmas que me dão o dobro de atenção e carinho pessoalmente.
Amo vocês como um único conjunto e como amigos, afinal é isso que vocês são para mim. AMIGOS. *-*
Se vocês soubessem o quanto adoro quando me chamam de Pam. xD
Desejo muito sucesso e que quando o Stigma crescer mais, não se esqueçam da pam de vocês. (eita sentimentalismo xD)
Espero que tenham gostado, afinal não tinha muito o que dizer.

Grandes beijos =*
Pam

'A melhor coisa que me aconteceu, foi vocês..'
Stigma Rock.

#iSad



Hoje estou triste. Mais uma estrela de nossas vidas foi para o céu. Um visionário, a frente de seu tempo, que tentou ser perfeito até o ultimo instante em sua maçã.
Mas tudo começou bem antes do que se esperava, ainda na garagem de casa.
Surpreendendo o mundo, mudou e criou uma maçã, mas não qualquer maçã: era "a maçã". Ele queria que fosse a mais perfeita que existisse, mas tudo ruiu em entulhos de ilusão. Ele perdeu-a, mas depois voltou, para recria-la melhor ainda.
Revolucionou o jeito de conviver com a tecnologia em geral: ouvindo, vivendo e sentindo-a.
Cada criação sua, não era um simples produto: era uma obra de arte, que merecia sem sombra de duvidas, estar no Louvre, em Paris.
Mas uma dia, nossa estrela teve de deixar por definitivo sua maçã. Foi deprimente para ele e muitos de nós que o admiravam. Até que uma dia, ele se foi, para uma lugar melhor, que muitos foram e não voltam pra nos contar como é. Mas o melhor de tudo que ele deixou foi o que ele sempre quis: deixar uma marca no universo.


(Revejam meu post em homenagem a ele clicando aqui)

quarta-feira, 5 de outubro de 2011

Apendendo com a vida, O numero Mágico e Campanha (Não necessariamente nessa ordem).


Durante esses dias, vendo e revendo todos os momentos e coisas da vida, percebi aquela velha máxima de viver: sempre aprendemos. Uma historinha básica me faz lembrar isso:

Um dia, havia um cara em minha rua, que parecia ser o dono dela. Tirava chacota com a maioria do pessoa, batia em algumas crianças. Era o rei da rua. Até que um dia, ele desapareceu, e já fazia um tempo que me perguntava sobre isso (e até pensei: ele deve ter arranjado outro local pra fazer das suas).
E num outro belo dia, eis que vejo o tal "rei da rua" com um bebê nos braços, de cabeça baixa, e bem indisposto pra qualquer coisas que fosse. Houve um comentário de que ele, nas suas andanças pelo mundo, ele transou sem camisinha com uma garota. E nisso, o bebê veio junto. E nem preciso dizer muito: Nós aprendemos muito nessa vida.


Acontece meu filho. Só não adianta chorar pelo leite derramado.

Nesses últimos tempos (mais ou menos um ano) venho buscando incansavelmente uma marca no futebol: 1000 gols (sou abusado e ousado pra conseguir isso). Fazendo meus cálculos de metas, vi que tenho um numero mágico a seguir: 5,0: essa é a média que tenho de fazer para conseguir ao menos 125 gols em 25 jogos. Tenho uma média de 3,6 por partida (Já marquei 330 gol em 91 jogos - é só fazer as contas). Mas é isso: espero ao menos encerrar o ano com 400 gols, pra buscar em (prováveis - pelas estatísticas que tenho) 600 gols em 95 jogos (o que da por volta de 6,3 - fechando a nota, 7,0 por partida [e eu nunca fiz isso!]). Mas é isso ai: não vou desistir tão fácil.


Soy Bamba no meu futebol!


Galerinha do bem, por favor, quero que ajudem aqui a minha amiga Pamy a conquistar 500 seguidores. Vejam lá o blog dela clicando aqui . Comentem e sigam: lá o conteúdo é de primeira linha.


Dá uma clicadinha: A gatinha da foto agradece.

terça-feira, 4 de outubro de 2011

Um Erro de três lados.




Nesses dias, vendo algumas coisinhas inúteis (como todo mortal faz- até o mais inteligente), vi o "drama" e calor que causou a noticia do xingamento que o Rafinha fez com a Wanessa (ex- Camargo -- que drama isso).
Para mim, acho que a brincadeira foi exagerada por parte do garotão ai (que por sinal também é influencia para mim). Foi um erro grave, mas todos nós erramos (e quem é que não erra - as vezes comeremos burradas como essa).
Mas o decepcionante de tudo, não foi somente o Rafinha (o pivô - não de dente, nem futsal, mas o propulsor da brincadeira de mal gosto), foi o CQC, que tanto defendia a liberdade de expressão por ser tantas vezes expulso de Brasilia pelos políticos. Fique decepcionado com aquele careca (o Tás - o apresentador, não o desenho) que dava uma CHÉ, mas que nada falou, nem fez juz ao que é o seu "papel" na sociedade.
E mais ainda por mim, que mesmo sendo enganado, ainda assisti ao programa (adooooorooo apanharr!!!).
Mas, de coisas como esses, assim caminha a humanidade: com ganancia, engano e implacável no engano.

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Rock In Rio (2)




O que dizer de toda essa euforia, magia e encanto que o Rock in Rio deixou nesses quatro últimos dias? Não á muito a falar, Quando se fala que Stevie Wonder cantou uma musica em português que foi seguida em coro uni sonoro.
Nem tanto sobre a felicidade refletida em carnaval em plena cidade do rock trazida por Ivete Sangalo.
Toda a ginga latia de Shakira, e a sacudida de Lenny Kravitz (Come on Get It!).
E aquele sábado com todo o Marron 5 no agito puro e logo em seguida, entrar na magia história inventada pelo próprio Coldplay, com direito a efeitos especiais? (Pixador profissional esse Chris Martin, Hein?)
E o Evanescence, como rituais, góticos e pesadíssimos? S
ystem of a Down não podia deixar de dar a sua pitada de piração e política em seus shows (fora que Serj Tankian, não estava com aquela barba de Osama Bin Laden).
E a dança da chuva com direito a atrasos e muito sucesso dos Gun's? Axl, sempre ele, dando um show à parte (mesmo com a voz já baleada pelo tempo, bebidas e cigarro).
Mas é isso: o Rock in Rio deixou mais uma vez sua marca na história, e a saudade em nossos corações.

Total de visualizações de página

Parcerias (ponhas a sua aqui também)





Image and video hosting by TinyPic
" />

Contato

Orkut
Twitter
Facebook
YouTube

My Tumblr

Ocorreu um erro neste gadget