sábado, 30 de junho de 2012

O Penta - 10 Anos (o meu relato daquela dia).





Desse dia, lembro-me que acordei bem cedo. Isso para os meus plenos 11 anos de idade, era bem chato, mas como era a final da copa do mundo, acordei, apesar do que eu sentia. O ar era de nervosismo, ansiedade por um titulo que não vinha a 8 anos, junto com aquela frustração na França em 98. Fui pra casa da minha avó, ver tudo sozinho por lá (tinha trauma de multidões).
O primeiro tempo inteiro foi nervosismo de mais, principalmente com as jogadas da Alemanha. As que o Brasil fazia, algumas pela lateral, me deixavam ansioso de mais por um gol, e pra tudo aquilo acabar logo, principalmente depois que vi aquela boa do Kleberson indo no travessão (e o Galvão narrando as jogadas do Brasil, me deixavam ainda mais tenso - foi teste pra cardíaco).
O segundo tempo, continuou aquela tensão, até a hora do primeiro gol do Ronaldo. Foi muito legal ter vibrado com aquele gol, pois a tensão que eu tinha, passou e muito, e veio a certeza de que o Brasil iria ganhar aquela copa. Alguns lances da Alemanha me deixaram tensos, mas depois do segundo gol, a certeza de titulo era bem maior do que eu esperava. Fim de jogo: festa, fogos, gritaria e Pentacampeonato conquistado. Aquela seleção sim, era autentica. Uma verdadeira Família.

segunda-feira, 18 de junho de 2012

Sir Paul 70







Ele Paul McCartney, faz hoje seus 70 aninhos de idade (nada velho, hein?).
Como alguns grandes cantores, ele fez parte da minha vida, do meu bobo e inocente (ele é de Gêmeos, igual a mim!) 
Lembro-me que a primeira vez que escutei o Paul na minha vida, foi com meus singelos, serenos e virgens (que maldade pra mim) 12 anos de idade. Vi um clip dele com o Eric Clapton chamado "Freedom", onde senti uma emoção sem igual, coisa de louco varrido e excluído que nem eu era. 
Depois, em 2005, escutei Fine Line (que era single do Chaos and Creation in the Backyard - que na época havia sido indicado a um Grammy) Jet, e outros sucessos que até mesmo no Beatles ele já havia cantado.
Sir Paul é autentico, e como todo bom cara de gêmeos, é versátil: toca baixo, piano, violão, além de cantar e outras coisas a mais.
Posso não ter as palavras suficientes pra retratar essa incrível pessoa que ele é, mas digo que este cara sempre fez parte de mim, do meu eu, e de toda minha vida, ontem, hoje e sempre!


Parabéns Sir Paul!

Persistência, Persistência, Persistência.



Hoje, resolvi trazer aqui ao blog algo dentro da nossa realidade, mas que de quando em quando (ou sempre) fechamos os olhos para ela.
Estava vendo uma edição da cartilha azul dos Alcoólicos Anônimos, que por sinal me interessou muito. Vis histórias contadas por alguns de seus membros, que misturam um pouco de egoísmo, derrota, e principalmente descontrole da situação. 
Vi que cada um deles demorou pra admitir seu problema, e a plena maioria só sentiu o real efeito do álcool quanto estava de verdade no fundo do poço, sem forças pra dominar este mal.
O auxilio nesses casos, foi muito importante, pois as vitimas deste vicio apenas conseguiram sair da situação.
Isso é um pouco do que posso-lhes falar do drama vivido por essas pessoas, que tem algo incomum: a persistência.
Eles tiveram tudo que pouco tempos, e que as vezes não nos damos conta que temos isso de tantas "fraquezas" que temos nessa vida. Temos de realmente persistir no que queremos, independente de onde estivermos, em qualquer situação que seja, pois somos mais fortes do que as dores deste mundo.

terça-feira, 12 de junho de 2012

E nesse dia...



Eu apenas quero viver
E fazer o que me trás felicidade.

Não tenho amores
Mas isso não me importa hoje.

Eu só quero sorrir
Ser um pouco feliz comigo mesmo.

sexta-feira, 8 de junho de 2012

21'





Hoje, completando 21 anos, penso e repenso (como todos os mortais conscientes) sobre tudo que fiz e tenho de fazer. 21 não é fácil. Não é como ter50, mas tem seu lado sério, e responsável. A partir desse novo ciclo que se inicia, tenho uma nova chance de recomeçar, e fazer tudo (ou boa parte) do que sempre quis. Eu apenas agradeço a Deus por tudo que vivi, e  espero que ele me dê Saúde, paz, e prosperidade (e um pouco de vontade) pra minha vida. E também, agradeço a todos que vivem ao meu redor (Família, amigos, colegas..)...por tudo...pela paciência, pela decência, e pela sinceridade de cada um. E é isso: daqui pra frente, tudo será cada vez mais diferente, como já vinha sendo desde alguns tempos.

domingo, 3 de junho de 2012

Viver com quem ensina.



Nos dias que passaram, vi tantas coisas que realmente me fizeram refletir sobre essas coisas da vida.
Algumas pessoas que vivem ao meu redor, estão me passando (ou ensinando - depende do contexto e do momento) experiencias e lições pra vida. Outras, vejo que reagem as circunstâncias de forma igual ao outro (quer dizer, se toma uma pancada, dá igual ou pior: coisa de gentinha baixa).
Devemos viver com quem ensina, pois os caminhos da vida não são sempre da forma que pensamos ou costumamos ver. Muita coisa na vida muda, e devemos ouvir e observar atentos essas pessoas para que possamos fazer um pouco melhor nossos caminhos para uma vida melhor. E posso dizer: nada é tão gratificante quanto a ajuda desses tipos de pessoa.

É, sei.



É sei, parece até meio infantil não ter postado aqui nos últimos tempos...mas o tempo e as coisas não deixaram que eu fizeste isso aqui que gosto.
Mas prometo (tentando cumprir da melhor forma possível) blogar aqui sempre que possível (sem deixar muitas distancias entre dias e tempos longos).
Não vou deixar mais isso aqui abandonado....aguarde! 

Total de visualizações de página

Parcerias (ponhas a sua aqui também)





Image and video hosting by TinyPic
" />

Contato

Orkut
Twitter
Facebook
YouTube

My Tumblr

Ocorreu um erro neste gadget